Bueno Brandão (MG) – Mutcho Bueno

Mais uma cidade mineira de belas cachoeiras

Dando continuidade as “Aventuras de Trás para Frente”, no feriado das crianças de 2015, conheci um pouco do Município de Bueno Brandão, mais um destino muito atraente e que vale a pena conhecer e desfrutar.  Esta cidade de Minas Gerais é bem próxima a Socorro/SP, localizado na Serra da Mantiqueira, e o seu principal atrativo é o turismo ecológico, principalmente por conta das suas diversas cachoeiras.
Nesta trip, fomos de carro saindo de São Paulo no sábado dia 10/10, por volta das 7 horas da manhã. Fizemos uma parada para o café, banheiro e chegamos por lá por volta das 10 horas.
O acampamento escolhido foi o Camping do Sossego, antes de chegar ao centrinho da cidade. Fomos muito bem recebidos e só pagamos duas diárias ($50,00). Pessoal muito acolhedor e a estrutura do ambiente muito boa. Com duas bases de cozinha comunitária, com dois fogões e duas geladeiras cada. Chuveiro quente separado do banheiro e tomadas e pontos de água, como tanques, espalhados pelo espaço. Outro diferencial do camping é que tem opções de trilhas, lago para pesca e uma árvore caverna paineira centenária dentro e cachoeira dentro do local.

E a primeira cachu do feriadão foi dentro do Camping mesmo: a Cachoeira do Sossego, também conhecida como Cachoeira do Gustavinho, que tem queda e piscina natural. A trilha é bem curta, sinalizada, com apoios como cordas e sem maiores dificuldades. Quem não estiver no acampamento, pode pagar entrada e fazer somente a trilha e aproveitar a natureza por ali.

Para chegar em qualquer uma das Cachoeiras na Cidade, precisa “viajar” um pouquinho, pois algumas ficam bem distantes, ou seja, melhor opção é ir de carro, alugar um carro ou ir em um grupo grande de van/ônibus. E, você e seu carro também irão enfrentar estradinhas de terra. Ah… a maioria fica em propriedade particular, então também precisa pagar uma taxinha para visitação, conservação e uso. Uma dica bem legal é: pesquisem e já anotem as cachoeiras que desejam visitar, verificando o seu acesso previamente, assim vocês não perdem tempo.
Depois do Sossego, partimos para a Cachoeira dos Félix, de mais ou menos, 40 metros de altura. Entrada R$ 5,00 (São duas propriedades que tem entrada de acesso à Cachoeira. Acho que uma mais barata que a outra). Aqui a trilha é uma “pequena descida”. Digo isso, porque é tudo questão de ponto de vista, pois a volta é pelo mesmo lugar, ou seja, aí é uma “pequena subidinha”, rsrs. Mas vale muito a pena. Linda a Cachu e muitas fotos maravilhosas.
            
E como chegamos tarde, o dia também acabou rápido e a noite demos uma voltinha no centro da cidade e assistimos umas apresentações rock’n’roll, em comemoração ao encontro de Motociclistas que acontecia no Município. (Foto: Paróquia do Senhor Bom Jesus, foi fundada por volta de 1820 com elevação a paróquia em 1850).

Dia seguinte, a cachoeira escolhida foi a Cachoeira dos Luís ($7,00 – entrada). Distante do camping, mas nada que desanimasse a galera. Chegando lá, mais belas paisagens, com duas quedas d’agua paralelas de aproximadamente 30m cada. E melhor: basta uma caminhada simples, mais descidas e subidas, mas leves, para chegar até ela.

 

Muitas coisas aconteceram nesta trip: nos perdemos não encontrando algumas cachoeiras, eu estava zerada (no $) e, infelizmente, devido a alguns problemas pessoais, não consegui aproveitar outros pontos turísticos. :/ Mas o lugar merece uma maior exploração, com certeza. Como toda a cidade mineira, o pessoal é bem hospitaleiro e quem gosta de simplicidade estará no lugar certo! 😀

Hotel Castelinho na Entrada da Cidade

Igreja em Munhoz, quando a gente se perdeu… 

 

Legal? Acompanhe nas redes e ajude a compartilhar:
20

Deixe uma resposta